Resenha: O Menino do Pijama Listrado

20:29 Luca Alves 9 Comments

Autor: John Boyne
Ano: 2007
Idioma: Português
Editora: Cia das Letras, Companhia das Letras

Sinopse: Bruno tem nove anos e não sabe nada sobre o Holocausto e a Solução Final contra os Judeus. Também não faz ideia de que seu país está na guerra com boa parte da Europa, e muito menos que sua família está envolvida no conflito.
Na verdade, Bruno sabe apenas que foi obrigado abandonar a espaçosa casa em que vivia em Berlim e mudar-se para uma região desolada, onde ele não tem ninguém para brincar nem nada para fazer.
Da janela do quarto, Bruno pode ver uma cerca, e, para além dela, centenas de pessoas de pijama, que sempre o deixam com um frio na barriga. Em uma de suas andanças Bruno conhece Shmuel, um garoto do outro lado da cerca que curiosamente nasceu no mesmo dia que ele.
O Menino do Pijama Listrado é uma fábula sobre amizade em tempos de guerra, e sobre o que acontece quando a inocência é colocada diante de um monstro terrível e inimaginável.


Resenha:

Apesar de ser muito bom, O Menino Do Pijama Listrado não é um livro completo. Se você busca, de forma descontraída, entender o Nazismo e como as vítimas de Hitler eram tratadas durante a Segunda Guerra Mundial, recomendo leitura do O Sobrevivente, Escondendo Edith ou O Pianista.

O livro conta história de Bruno, garoto que muda com sua família para Polônia e faz amizade com um garoto judeu que vivia no campo de Haja-Vista, também chamado Auschwitz.

Um livro realmente emocionante, digno de todo reconhecimento.

Uma bela amizade é cultivada, vencendo as barreiras do preconceito e as barreiras físicas.

Se está em duvida se deve ou não ler O Menino do Pijama Listrado, não precisa. Ele merece todo seu tempo.


Nota: (5/5)

Você pode ler também

9 comentários:

  1. Olá Sofia, em primeiro lugar amei o seu cantinhi literário, uma graça seu blog.
    Agora, eu adorei a resenha, este livro é simplesmente maravilhoso e o filme não fica atrás.

    Seguindo aqui. Beijos e bom domingo.
    http://cabinedeleitura1.blogspot.com.br/2015/03/resenha-mais-pura-verdade.html#more

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, sou o Luís, o novo colaborador do Fórmula do Amor. Estarei postando, também, resenhas aqui frequentemente.


      Siiim, aposto que o filme é muito bom. Espero assisti-lo um dia. Com o livro eu senti uma revolta do Fúria (Hitler) e aposto que o filme me arrancará lágrimas. Obrigado pelo comentário <3

      Excluir
  2. Oi Sofia, fazia um tempinho que eu não visitava o Formula do amor!
    Esse livro, eu amo. Li emprestado, e me arrependo de não ter na estante!
    Bjs da Le
    Le Versos & Controvérsias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, sou o Luís, o novo colaborador do Fórmula do Amor. Estarei postando, também, resenhas aqui frequentemente.

      Eu acabei pegando emprestado de um amiga. Vale muito a pena ter ele na estante. Muito obrigado pelo seu comentário :)

      Excluir
  3. Oii!!

    Realmente, no livro não conta a história sobre o nazismo, Hitler e tudo mais, mas fala sobre as perversidades que aquela história trouxe para as pessoas. O livro é ótimo, o filme ainda mais, eu só acho tudo muito triste, sem dúvida.

    http://mundo-restrito.blogspot.com.br
    @rs_juliete

    ResponderExcluir
  4. eu achei incrível o filme e todos me falam que o livro é realmente digno de uma nota mil hasuahsu eu sou louca para ler mas nao quero chorar *o* mas quero o livro

    visita se quiser --> inocentementeingenua.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não chorei com ele, mas já chorei com história extremamente toscas que para mim foi o cumulo do sentimentalismo kk. Quase chorei, não vou mentir, mas fiquei com um nózinho na garganta. kk

      Excluir
  5. Esse livro deve realmente ser incrível! Adoro histórias emocionantes *-*

    Infelizmente ainda não o li, apesar de tê-lo comprado.

    Beijos
    albumdeleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

ATIVE AS NOTIFICAÇÕES de resposta clicando em "Notifique-me", no canto DIREITO da caixa de comentários.
Isso aumenta a interação entre blogueiro e leitor e você pode ler minha resposta :)