Apaixonada numa rua...

21:20 Sofia Trindade - Fórmula do Amor 0 Comments




Como pode acontecer? Eu tinha dito à mim mesma que nunca iria me apaixonar, que homens não valiam à pena serem disputados. Minhas amigas disseram que ele era um cafajeste de primeira categoria, porque eu não as ouvi? Agora estou aqui apaixonada, andando numa rua cheia de gente que tem uma vida sem preocupações, sem estresse, apenas sem medo de se apaixonar.
Eu sou tão idiota, burra, eu sabia que aquele garoto não era a escolha certa, aquele sorriso me hipnotizou com tanta facilidade que eu nem lembro de como aconteceu. ele estava brincando comigo como se ele fosse o caçador e eu era o seu jantar. Você tinha várias coisas que nem faziam sentido e eu caí na sua conversa mole, minha consciência estava gritando para que eu parasse com aquilo, mas eu não ouvi.
Agora estava eu, vagando por aquela rua, sem esperança, sem felicidade com um coração partido, pois lá no fundo eu sabia que aquilo poderia durar para sempre, aquele garoto sabia que eu era o brinquedinho dele e ele também sabia que se ele pedisse para eu me jogar no chão eu me jogaria, que se pedisse para eu sair de pijama eu faria, que se ele pedisse para eu nunca parar de ama-lo e também amaria. como eu era burra.


 :Liberdade dos meus Atos

Você pode ler também

0 Comentários:

ATIVE AS NOTIFICAÇÕES de resposta clicando em "Notifique-me", no canto DIREITO da caixa de comentários.
Isso aumenta a interação entre blogueiro e leitor e você pode ler minha resposta :)