Resenha: A Culpa é das Estrelas

18:07 Sofia Trindade - Fórmula do Amor 9 Comments


 A Culpa é das EstrelasAutor: John Green
ISBN-10: 8580572266
Ano: 2013 / Páginas: 288
Idioma: português
Editora: Intrínseca


Sinopse: A Culpa é das Estrelas - A culpa é das estrelas narra o romance de dois adolescentes que se conhecem (e se apaixonam) em um Grupo de Apoio para Crianças com Câncer: Hazel, uma jovem de dezesseis anos que sobrevive graças a uma droga revolucionária que detém a metástase em seus pulmões, e Augustus Waters, de dezessete, ex-jogador de basquete que perdeu a perna para o osteosarcoma. Como Hazel, Gus é inteligente, tem ótimo senso de humor e gosta de brincar com os clichês do mundo do câncer - a principal arma dos dois para enfrentar a doença que lentamente drena a vida das pessoas.
Inspirador, corajoso, irreverente e brutal, A culpa é das estrelas é a obra mais ambiciosa e emocionante de John Green, sobre a alegria e a tragédia que é viver e amar.

Resenha: Quem nunca viu a guerra, entre modinhas e não modinhas, que esse livro causou que atire a primeira pedra!
Mas não vim aqui para falar dessa guerra, que alias nunca terá fim, e sim para dar minha opinião.
Demorei muito pra fazer a resenha porque precisava organizar meus pensamentos e ter uma opinião sincera e não mentir para vocês. Já que a história estava sendo muito falada quis conhecer e matar minha curiosidade.
Indo direto ao ponto, achei o livro previsível e superestimado. Logo no começo, juntei todas as peças e descobri o que ia acontecer no final e quando cheguei nas últimas páginas, eu estava certa. Já no final me senti muito confusa e tive que reler muitas vezes para ver se fazia sentido tudo aquilo na minha cabeça e confesso que até hoje não fez sentido para mim.
Mas tirando a historia clichê (que até achei um pouco parecida com outro livro), a escrita do John é muito boa e faz com que a leitura seja rápida e natural. Mas temos ainda a mensagem por trás do livro e é ela que salvou os pontos que notei. Amar, viver e não desistir são coisas que devem ser importantes em nossas vidas e foi essa a mensagem que o livro me passou.
Não é o melhor livro que já li, mas não é o pior. Foi como eu disse na resenha de "A Cabana" devemos ler e tirar nossas próprias conclusões e não ir pela cabeça dos outros.

Nota

Participe do Sorteio do livro Zaphir (clique Aqui)

Você pode ler também

9 comentários:

  1. Concordo com você, o não é o melhor livro, a mensagem é linda, e possui praticamente uma fábrica de quotes! euheuheu
    Bjs da Le
    Le Versos & Controvérsias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk verdade. Tem uma frase desse livro que eu acho muito linda.

      Excluir
  2. Quando eu li esse livro, eu amei tudo. Foi bem no lançamento entao eu nao sabia nada sobre ele ainda. Chorei oceanos e oceanos. Fiquei apaixonado por ele por um bom tempo. Tipo, esse livro, quando estourou, dividiu o mundo e achei mto legal essa divergência entre os leitores. O problema é que logo se tornou uma guerra sem controle e as pessoas só o usavam pra chamar a atenção.
    Mas enfim, eu curti muito a leitura desse livro. Não foi o melhor da minha vida, mas fez mta diferença. Só fico triste ao ver ele pq emprestei o meu e nunca me devolveram :(
    Beijo
    mundoemcartas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu não chorei. É raro eu chorar com a morte de personagens.
      Quando eu empresto livros eu já deixo bem claro, se estragar ou não devolver, vai ter me pagar outro.

      Excluir
  3. Eu gostei do livro, mas gostei mais ainda do filme. Lógico que a história é batida e previsível, mas vale a pena para desabafar o choro kkk
    Bj e fk c Deus.
    Nana
    http://procurandoamigosvirtuais.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O filme eu achei menos previsível que o livro. Mas até minha mãe se tocou e percebeu o que ia acontecer no final...

      Excluir
  4. Lembro bem dessa guerra, dos que acharam bom e dos que não acharam, eu mesma passei por isso ( e fui uma das que gostou heuh ). Realmente não é o melhor livro que já li, algumas pessoas que conheço não gostaram por acharem previsíveis e coisa do tipo, mas ou eu sou muito lerda ou não sei, mas juro que não pensei que isso iria acontecer, sei lá sabe aquela esperança de ''final feliz'' haha Mas, de qualquer forma, é bem bonita a mensagem que o livro transmite.
    Bjs
    ptrasdeumsorriso.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. As vezes eu acho que foi a única que percebeu o que ia acontecer kkkk

      Excluir
  5. Oi Sofia!
    Eu já amo esse livro, mas acho que é mais pelos sentimentos e mensagens que ele passa, e pela escrita do John Green, do que por qlqr outra coisa!
    E como assim vc adivinhou o final? hahaha
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com
    // Tem Resenha Premiada, Páscoa Literária e Foto do Leitor rolando! //

    ResponderExcluir

ATIVE AS NOTIFICAÇÕES de resposta clicando em "Notifique-me", no canto DIREITO da caixa de comentários.
Isso aumenta a interação entre blogueiro e leitor e você pode ler minha resposta :)