Resenha: Rebelde

00:26 Sofia Trindade - Fórmula do Amor 13 Comments


 RebeldeAutora: Amy Tintera
Ano: 2016 / Páginas: 352
Editora: Galera Record
Nota:
Sinopse: Wren Connoly acreditou que seu lado humano tivesse ficado para trás no instante em que ela morreu... e voltou à vida como Reboot em surpreendentes 178 minutos. Com uma força extrema e treinada para ser o soldado perfeito, Wren precisou fugir da CRAH, Corporação de Repovoamento e Avanço Humano, para salvar Callum 22, o rapaz que lhe mostrou ser possível ter emoções, compaixão e até amor, sendo Reboot.
Após terem escapado da CRAH, Wren e Callum estão prontos para recomeçar a vida em paz, na reserva Reboot. Mas Micah, o Reboot que comanda o local, tem planos malignos em mente: dizimar os humanos da Terra. Micah vem construindo um exército Reboot há anos, e finalmente está pronto para iniciar ataques às cidades. Agora que fugiram, Wren e Callum precisam decidir se ficam ao lado de Reboots ou se abandonam tudo e vivem longe da guerra. Aos poucos, os dois percebem que só há uma alternativa: precisam se tornar rebeldes.

Resenha: Fica quase impossível falar desse livro sem dar um spoiler sobre seu antecessor, Reboot, e acredito que a sinopse por si só já revela algumas coisas. Fiquei alguns minutos pensando em como falar um pouco do livro sem dar muitas informações comprometedoras, então se você não quer ler o segundo parágrafo fique a vontade.


Se Você não leu o primeiro livro pode pular essa parte.
Após conseguir fugir de uma instalação da CRAH, Wren encontra os humanos conhecidos como rebeldes que ajudam os reboots a irem para um suposto acampamento reboot  onde é prometido liberdade, um lar e paz. Mas antes a garota deve solucionar um problema muito maior: salvar Callum que foi vítima de experimentos e por isso esta sofrendo efeitos colaterais. Depois de invadir a instalação de Austin, pegar o antidoto que salvará Callum e libertar todos os Reboots de lá Wren finalmente pode ir para o acampamento e viver sua vida. Mas as coisas não são bem assim e a garota percebe que estar no acampamento pode ser uma grande emboscada, pois Micah, o líder do acampamento, deseja vingança e fará de tudo para destruir a CRAH e os humanos que ainda vivem no Texas.
Agora Pode voltar a ler :D
O primeiro livro termina com um acontecimento desesperador que deixa qualquer leitor com uma pulga atrás da orelha, mas todo desespero acaba porque a autora retoma o segundo livro exatamente do ponto em que termina o primeiro.

No segundo volume a narração é dividida entre Callum e Wren, algo que eu havia achado totalmente desnecessário porque o primeiro quem narra é somente Wren, mas conforme a leitura foi prosseguindo e algumas coisas foram acontecendo pude mudar de ideia e perceber que realmente era necessário que Callum narrasse.

Seguindo o pique e o seguimento de Reboot, Rebelde traz o encerramento da dulogia de uma forma simples e muito boa que apenas Amy Tintera consegue trazer. Neste volume a autora mostra um aprofundamento maior nos personagens principais e por incrível que pareça ela conseguiu fazer com que os dois personagens, Callum e Wren, se envolvessem de tal forma que mesmo com capítulos intercalados parece que ambos mudaram de personalidade. Wren foi a personagem que mais teve uma transformação. Por passar a conviver com Callum a garota pôde mudar de opinião sobre alguns aspectos e isso só contribuiu para seu amadurecimento.

Como eu disse na resenha do outro livro, por se tratar de uma duologia em algumas partes parecia que a autora queria adiantar algumas coisas e por isso algumas cenas se passam muito rápido e poderiam ser melhor aproveitadas.

O livro é muito bom, com muitas cenas de ação, um enredo direto, um romance transformador e estou quase colocando minha mão no fogo para afirmar que Amy poderia ter escrito um livro extra só para nos dizer como tudo ficou depois de grandes emoções.
Resenha realizada em parceria com a editora Galera Record.


Você pode ler também

13 comentários:

  1. Y soy rebelde cuando no sigo a los demás. Não? Tá... tchau.

    ResponderExcluir
  2. Oi, tudo bem?
    Acho a premissa do primeiro livro muito interessante e tenho muita curiosidade de realizar essa leitura.
    Essa é uma das primeiras resenhas que leio sobre esse segundo livro e só me deixou ainda mais curiosa com essa distopia.
    Que bom que nesse volume a autora aprofundou mais os personagens e que eles tenha mostrado amadurecimento.
    Espero ter oportunidade de realizar a leitura de Reboot e Rebeldes em breve.

    Beijos :*
    http://www.livrosesonhos.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá, achei o enredo bem interessante e sua resenha, apesar de ser a primeira que leio sobre a obra, gostei bastante. Obrigada pela ótima dica.

    Abraços

    ResponderExcluir
  4. Oi, Sofia!
    Já li resenhas sobre o primeiro livro e sobre esse.
    Por mais que a história pareça boa e tenha bastante ação, não consigo me animar a ler esse gênero, não sou fã.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  5. Oi Sofia.
    Eu me lembro de ler a resenha do primeiro livro e não me chamou muita atenção, e apesar de gostar da sua resenha esse também não contribuiu para mudar minha opinião. =/

    Beijos
    http://aventurandosenoslivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Eu não sei porque mas essa série da Amy não me atraiu muito. Tenho um colaborador resenhando ela no blog, mas ainda assim, não me sinto convencida a arriscar.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oie
    sempre vejo muitos elogios a série e fico até curiosa apesar de não ler muito o gênero, gostaria de ter oportunidade e ler a série em breve, ótima resenha

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Olá Sofia, não sabia que se tratava de uma duologia, agora fiquei com muito mais vontade de ler porque estou fugindo de série longas *-* Parece que esse como o anterior foi bem construído pela autora, mesmo com alguns pontos que poderia ser melhorados *--* Espero lê-los em breve.

    Visite "Meu Mundo, Meu Estilo"

    ResponderExcluir
  9. Como a primeira pessoa que comentou,também lembrei de Rebelde (a banda) kkkkkk não li Reboot então pulei aquela parte que vc inidicou. O enredo parece ótimo, vou tentar ler mais pra frente. www.belapsicose.com

    ResponderExcluir
  10. Olá!!

    Essa série parece ótima!! E as capas maravilhosas! Apesar de eu não curtir muito o gênero, eu estou tentada a compra-los rs
    Ah, eu não sabia que eram só dois, agora uma chance a mais de compra-los!

    Bjus
    Blog Fundo Falso

    ResponderExcluir
  11. Oi Sofia, tudo bem?
    Eu não sabia que era uma duologia, tenho o primeiro e estou com bastante vontade de ler. Pelo que vejo a premissa continua boa e a escrita também. Espero gostar.

    ResponderExcluir
  12. Oi!
    Não conhecia o livro, achei interessante a premissa dele e fiquei muito curiosa para ler. Vou procurar o ebook do primeiro livro :)

    Bjs!

    ResponderExcluir

ATIVE AS NOTIFICAÇÕES de resposta clicando em "Notifique-me", no canto DIREITO da caixa de comentários.
Isso aumenta a interação entre blogueiro e leitor e você pode ler minha resposta :)