Resenha| Warcraft

00:14 Sofia Trindade - Fórmula do Amor 0 Comments


Resultado de imagem para warcraft livro do filme
Autor: Christie Golden / Ano: 2016 / Páginas: 266 / Editora: Galera Record / Nota: 3/5
Sinopse: Há muito Azeroth está em paz. Após expulsar os trolls, com a ajuda de Medivh, Guardião do reino, humanos vivem em paz com os vizinhos elfos e anões. Mas um novo mal desponta no horizonte, e a guerra ameaça engolfar mais uma vez os domínios do justo rei Llane.
Uma raça temerária de invasores, os guerreiros orcs, insuflados pelo feiticeiro Guldan e liderados pelo monstruoso Mão Negra, fogem de seu mundo agonizante em busca de caça e oportunidades. Com a ajuda da vileza, a mais cruel das magias, Guldan criou um portal capaz de transportar sua Horda até Azeroth.
A maré verde, de orcs dominados por esse mal, toma de assalto as terras humanas. Morte e destruição ameaçam destruir a tudo e a todos. Então, de lados opostos, dois heróis surgem, em uma rota de colisão que decidirá o destino de sua família, seu povo e seu lar.
Durotan, o líder honrado do clã Lobo do Gelo, quer apenas uma chance para seu filho recém-nascido. Lothar, o Leão de Azeroth, busca redenção. E assim começa uma espetacular saga sobre poder e sacrifício, na qual a guerra tem muitas facetas e todos lutam por algo.
Depois de tomar uma decisão complicada para dar uma chance para seu povo, Durotan se vê em uma situação difícil em que terá que por tudo o que mais ama a perder. Por seu povo ele aceitou seguir o bruxo Guldan, e por seu povo precisa criar coragem para enfrentá-lo. A Terra nova que foi prometida não é tão boa quanto o bruxo prometeu e para conquistá-la uma guerra horrível terá que ser iniciada contra um inimigo que eles não conhecem muito bem...

Enquanto isso o rei Llane precisa encontrar uma maneira urgente de proteger seu reino, sua família, sua Terra, e para isso ele conta com a ajuda de Lothar, seu cunhado e comandante do exército. Lothar é um homem que guarda dores dentro de si, mas todas essas dores são jogadas para fora, como o rugido de um leão, quando entra no campo de batalha. E nesse momento tudo que ele mais quer é defender seu lar com todas as forças que tem, contra uma raça que os ameaça.

Continuando do ponto final de Warcraft: Durotan, o livro trás um prosseguimento da história de Durotan, ao mesmo tempo que introduz novos personagens ao enredo. No livro anterior reclamei um pouco da falta de dinâmica que o autor trazia, nessa continuação já pude sentir cenas mais quentes e impactantes que despertavam mais minha leitura.

Ao mesmo tempo que o livro trás uma continuação, ele busca focar no outro lado da história. Pra quem não leu o Durotan não tem problema nenhum, pois o autor sempre faz recapitulações para guiar o leitor e trazer uma facilidade maior para eles, porém para quem ler o prequel do filme acaba sendo algo muito cansativo porque você acaba lendo duas vezes a mesma coisa, só que em livros diferentes.

 A narrativa de Christie foi algo que pesou muito na construção da minha nota. O autor não conseguiu ter uma escrita que me agradasse nos dois livros e por isso as leituras foram medianas e me desagradaram um pouco.
Foi basicamente o que eu disse na outra resenha, para quem gosta do mundo de Warcraft talvez a leitura seja ótima, mas para mim faltou muito mais e não foi uma leitura agradável.

Resenha feita em parceria com a Galera Record.

Você pode ler também

0 Comentários:

ATIVE AS NOTIFICAÇÕES de resposta clicando em "Notifique-me", no canto DIREITO da caixa de comentários.
Isso aumenta a interação entre blogueiro e leitor e você pode ler minha resposta :)